top of page
  • Foto do escritorNative English Marketing

Ensino de inglês: como o aprendizado pode ser acessível e menos elitista?


Embora o domínio da língua inglesa signifique a abertura de horizontes para estudantes e uma forma de conexão dentro de um mundo globalizado, o ensino de inglês com uma metodologia eficiente ainda não é uma realidade em todo o Brasil, por exemplo. Aqui, esse aprendizado fica um pouco restrito a jovens com maior poder aquisitivo que podem fazer cursos mais caros e intercâmbios. Mas como tornar o ensino de inglês mais acessível? Reflita aqui com a Native English.

As dificuldades no ensino de inglês



De acordo com dados divulgados pelo Observatório para o Ensino da Língua Inglesa no Brasil em 2020, cerca de 55% dos professores que dão aulas de inglês nas escolas públicas do país não tem formação específica para lecionar a disciplina. Além disso, 81% reclamam da falta ou da inadequação do material didático usado nas aulas.


Um outro ponto de destaque desta pesquisa é que 65% dos professores de inglês também se dedicam ao ensino de outras disciplinas e quase 70% dão aulas de inglês em mais de seis turmas por semana. Acrescenta-se ao cenário sobre os desafios do ensino de inglês de uma forma mais democrática a utilização de materiais didáticos inadequados e ultrapassados, além da carência de ferramentas tecnológicas que proporcionam um maior engajamento dos estudantes.

Como transformar o ensino de inglês e torná-lo mais acessível?



A chave para esta pergunta sobre a democratização do ensino do inglês está na capacitação de professores e na metodologia adotada. Afinal, aprender o idioma não precisa ser caro, complicado e desinteressante.


O primeiro ponto crucial aqui é a capacitação de professores. Eles devem aprender novas técnicas e habilidades a fim de conseguir trabalhar de forma mais atrativa o processo de aprendizagem. Assim, as aulas ficam mais atualizadas e dinâmicas. As instituições de ensino devem estar de olho nesta questão primordial. Além disso, o inglês deve ser visto como uma prioridade!


Como a democratização da internet avança cada vez mais e quase todo jovem hoje tem um celular, o ensino de inglês por meio de plataformas online se tornou uma tendência e o melhor é ela não representa um aumento de custos. Segundo um estudo da Pnad Contínua (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua) divulgado em reportagem do Estado de Minas, a proporção de lares onde havia uso de internet alcançou 90% (65,6 milhões) do total (72,9 milhões) em 2021. O celular foi o equipamento mais utilizado para o acesso à rede, em 99,5% dos domicílios com algum tipo de sinal.


Tendo em vista este panorama, uma abordagem de ensino de inglês mais acessível deve aliar educação e tecnologia. O uso de plataformas virtuais, aplicativos, ebooks e a transmissão de aulas online são apenas alguns exemplos de ferramentas que tornam o ensino mais atual e em sintonia com o perfil do estudante de hoje.



O ensino de inglês da Native English


A Native English possui uma metodologia de ensino de inglês exclusiva, baseada no uso de ferramentas tecnológicas que não são altamente custosas e o principal: garante a fluência necessária para os estudantes! Nós usamos um aplicativo 2.0, com inteligência artificial e reconhecimento de voz, trazendo uma abordagem individualizada, com trilhas de aprendizado personalizadas e monitoramento de resultados.

Ressalta-se ainda que o nosso método envolve o uso de elementos chaves de outras matérias, como matemática, história, geografia e ciências durante o sequenciamento das aulas de inglês. Assim, toda a grade curricular do aluno é reforçada. Que tal conhecer mais sobre essa metodologia exclusiva e cientificamente comprovada? Entre já em contato conosco que nós fazemos uma apresentação para sua escola.


3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page